Notícias

Ruraltins alinha execução do Projeto Saúde Mental do Servidor

29/04/2021 - Lúcia Brito/Governo do Tocantins

Em meio ao isolamento social imposto pela pandemia do novo coronavírus, a saúde mental dos servidores é uma preocupação constante dentro das instituições.

Nesse sentido, o setor de Recursos Humanos do Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins) realizou de maneira virtual nesta quarta-feira, 28, uma reunião sobre o Projeto Saúde Mental do Servidor.

O projeto foi idealizado pelo Governo do Tocantins, por meio da Secretaria de Administração do Estado (Secad) e Diretoria da Junta Médica Oficial do Estado (JMOE), em parceria com a Secretaria Estadual de Saúde (Sesau), e se propõe a oferecer suporte ao servidor público em relação à sua saúde mental, principalmente no que se refere aos reflexos da pandemia. A ideia inicial é criar uma rede com a participação das instituições de ensino superior do Tocantins, que possa prestar suporte emocional ao servidor e/ou seus familiares por meio de acolhimento e escuta, com vistas à promoção de saúde, ao autocuidado e à melhoria das relações interpessoais no ambiente de trabalho (ainda que remoto) e fora dele.

De acordo com informações do Setor de Recursos Humanos do Ruraltins, no encontro foram alinhadas as ações para execução da atenção ao servidor no Projeto entre o núcleo de colaboradores da área social do quadro funcional do órgão, Diretorias de Palmas e recursos humanos de Palmas e das sete regionais do Instituto, a saber, Araguaína, Araguatins, Gurupi, Paraíso, Porto Nacional e Taguatinga.   

“Durante a reunião abordou-se a proposta do projeto, os tipos de atendimentos que serão ofertados e para quem se destina. Na oportunidade formamos um núcleo de colaboradores do projeto no Ruraltins, que atuará na gestão do apoio emocional que será ofertado aos servidores que necessitarem de atendimento, ou ainda fornecerão mais informações e orientações”, disse Ruciléia Alves, responsável pelo setor de Recursos Humanos do Ruraltins, em Palmas, complementado que o servidor pode buscar o auxílio que precisar no setor de Recursos Humanos do órgão.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), os transtornos mentais e comportamentais estão entre as principais causas de perdas de dias de trabalho no mundo e dentre os servidores do executivo estadual essa realidade não é muito diferente, deste modo, o projeto contribuirá no sentido de promover a saúde entre os trabalhadores do órgão, e fortalecer suas capacidades individuais e coletivas com o intuito de transformar as situações que agridem e produzem sofrimento.