Notícias

Seis Extensionistas do Ruraltins recebem Prêmio Embrapa ABC Corte por bons resultados

22/12/2020 - Edvânia Peregrini/Governo do Tocantins

Seis extensionistas do Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins) receberam, na noite desta segunda-feira, 21, o Prêmio Embrapa ABC Corte (Agricultura de Baixa Emissão de Carbono) voltado para a pecuária de corte. O evento de entrega do Prêmio e certificação de técnicos para a Safra 2020/2021 ocorreu de forma virtual e contou com a participação do presidente do Instituto, Fabiano Miranda; do chefe Geral da Embrapa Pesca e Aquicultura, Alexandre de Freitas; e da futura chefe, Danielle de Bem Luiz, que assumirá a gestão a partir de 1° de Janeiro.

O projeto é executado sob a coordenação do zootecnista da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Pedro Alcântara, que explica que o Prêmio é uma forma de valorizar, publicamente, técnicos, produtores e propriedades que se esforçaram e conseguiram bons resultados por meio do projeto. “O Plano ABC é referência no Tocantins, o Estado, por meio da Seagro [Secretaria da Agricultura, Pecuária e Aquicultura],e o Ruraltins, tem feito um trabalho muito bom. Com esse projeto, os extensionistas estão aptos a replicar a metodologia do Projeto”, explicou.

Para a premiação são avaliados diferentes indicadores e que se dividem nas seguintes categorias: ouro; prata; bronze; destaque técnico multiplicador; destaque produtor multiplicador; e qualidade de dados.

Na abertura o presidente Fabiano Miranda destacou a importante parceria com a Embrapa na transferência de tecnologias para o desenvolvimento da agricultura sustentável, reforçando a continuidade dessa parceria no próximo ano. “Parabéns a toda a equipe do Ruraltins e da Embrapa pela condução do Plano ABC no Tocantins, que tem conseguido bons resultados por meio das tecnologias aplicadas nas propriedades rurais, recuperando pastagens e aumentando o ganho do produtor na pecuária de corte e leite. O Plano ABC é um dos programas mais importantes em execução no Estado, pois leva ações de transferência de tecnologias acessíveis e apropriadas ao clima e solos tocantinenses, proporcionando o desenvolvimento sustentável e o aumento da produtividade nas propriedades rurais, de norte a sul do Estado. Deixo aqui meus parabéns e agradecimento a todos os envolvidos nessa ação de grande relevância para o Tocantins, principalmente aos seis extensionistas do Ruraltins”.

O chefe geral da Embrapa Pesca e Aquicultura, Alexandre de Freitas, parabenizou o empenho e comprometimento de todos, destacando a participação significativa dos extensionistas do Ruraltins com a implantação das Unidades de Referência Tecnológicas (URTs). “Que na safra 2020/21 possamos ampliar esse projeto com maior número de URT e mais participação de técnicos”, frisou.

Homenageados

Os homenageados do Instituto são o zootecnista Athila Damasceno Martins, de Araguaína; o médico veterinário Sérgio Manoel da Costa Bueno, do Escritório Local de Guaraí; o engenheiro agrônomo Matheus Borges Leal, de Pau D´arco; o engenheiro agrônomo Matheus Borges Leal, de Pau D´arco; o médico veterinário, Manuel Enéas de Macedo Filho, de Arapoema; o zootecnista Josevaldo Rodrigues Lima, de Araguatins; e o Engenheiro agrônomo Silvan Carvalho de Castro, Peixe.

Um dos premiados Matheus Leal, por prestar assistência à Unidade de Referência Tecnológica (URT) da Fazenda Aracruz, no município de Pau D’arco, que também foi premiada, agradece e fala sobre a importância desse reconhecimento e agradece. “Sou grato pela oportunidade fazer parte dessa equipe, dessa parceria com a Embrapa. Obrigado pelo reconhecimento do nosso trabalho”, disse.

O zootecnista Athila Damasceno Martins, que presta assistência a fazenda Torre, também agradeceu a homenagem. “Agradeço a Fazenda Torre,por acreditar no nosso trabalho, aos colegas do Ruraltins que estivem junto conosco, e a Embrapa pelo condução. Cada ano, cada safra tem sido de crescimento e que possamos, com uma equipe consolidada, ter uma boa safra e ainda melhores resultados no próximo ano.