Notícias

Ruraltins apresenta práticas de manejo para suinocultura em Chapada da Natividade

18/09/2019 - Lúcia Brito/Governo do Tocantins

Em Chapada da Natividade, técnicos do Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins) e um grupo formado por 15 agricultores participaram de uma atividade coletiva em duas Unidades de Referencia Técnica (URTs) de Suinocultura, instaladas na Comunidade Santa Luzia.

O encontro aconteceu nesta terça-feira, 17, e faz parte das ações do Projeto Inovação no Campo, fruto de um instrumento de parceria firmado entre o Ruraltins e a Agência Nacional de Assistência Técnica e Extensão Rural (Anater).

O Inovação no Campo tem por objetivo a prestação de serviços de assistência técnica e extensão rural, que promova a geração de renda e a melhoria da qualidade de vida das comunidades rurais beneficiadas, por meio das atividades produtivas por elas desenvolvidas. Ao todo são 1.000 famílias de agricultores familiares atendidas, em 50 municípios, com recursos aplicados na ordem R$ 3,8 milhões.

De acordo com o Odair José Moura, do escritório local do Ruraltins, de Chapada da Natividade, durante o encontro, o médico veterinário, Ueslei Silva Mazoni, apresentou práticas de manejo nutricional, como formulação de ração para suínos, além de algumas intervenções com os leitões, tais como corte e desinfecção de umbigo, corte das presas, controle de anemia e práticas de manejo reprodutivo.

Para a presidente da Associação da Comunidade Santa Luzia, Leuzilene Carvalho, o acompanhamento técnico aos agricultores tem sido motivo de muita motivação e oportunidade de trabalho. “Antes de participarmos desse projeto, estávamos sem expectativas de como produzir melhor. As pessoas da comunidade estavam mudando por não ter conhecimento adequado, até mesmo para criar galinhas e porcos. Agora, com a assistência técnica conseguimos abrir a associação e estamos desenvolvendo aos poucos o nosso trabalho. Só temos a agradecer esse apoio e que ele continue”, frisou a presidente, complementando que ao todo 20 agricultores da comunidade são atendidos pelo Inovação no Campo.