Notícias

Ruraltins prestigia Simpósio do Desenvolvimento da Aquicultura

17/10/2019 - Lúcia Brito/Governo do Tocantins

O presidente do Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins), Thiago Dourado, e equipe de extensionistas do órgão participaram na manhã desta quinta-feira, 17, da abertura do Simpósio do Desenvolvimento da Aquicultura do Tocantins. O encontro é uma realização do governo do Estado, por meio da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Aquicultura (Seagro), a Federação da Agricultura e Pecuária do Tocantins (Faet) e Centro Universitário Católica do Tocantins, com apoio do Ruraltins e demais parceiros, tendo por objetivo fomentar, promover e divulgar a produção de peixes e outras espécies aquáticas.

Durante seu pronunciamento, Thiago Dourado, ressaltou que a piscicultura é uma cadeia prioritária para o Governo do Estado. “O governador Mauro Carlesse vem incentivando a estruturação da cadeia da piscicultura em sua gestão, no sentido de superar os entraves ambientais, gerando competitividade do ponto de vista tributário, e fomentando com tecnologias o acesso à atividade, para que o produtor possa crescer.  Em cima desse trabalho, foi liberado não só a criação da tilápia, como também simplificado o licenciamento ambiental para quem produz em até cinco hectares de lâmina d’água. Dentro da politica de incentivo à piscicultura, o governo isentou do Imposto de Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), toda parte de produção de peixes no território do Tocantins, e ainda isentou as indústrias de processamento de ração, do Estado, para o consumo interno, para que  pudessemos realmente trabalhar a competitividade dessa cadeia produtiva. O Ruraltins trabalha focado nisso, pois somos a mão operacional das politicas públicas pensadas pelo governo, com assistencia técnica e extensão rural aos produtores", disse o gestor.

Na oportunidade o Secretário da Agricultura, Pecuária e Aquicultura (Seagro) César Halum, defendeu a organização do setor. “Temos que nos organizar e investir nos projetos de criação de peixe para alcançarmos alta produtividade, pois o Tocantins tem potencial para se tornar o maior produtor, sendo uma referência no país. Em 2018 tivemos uma produção de 14,3 mil toneladas de peixe, em 2019 deve fechar em torno de 40% a mais”, ressaltou.

Censo da Piscicultura

O simpósio continua nesta sexta-feira, 18, com destaque para a palestra do Engenheiro de Pesca, do Ruraltins, Andrey Costa, às 14h, no auditório do Senar/Faet, sobre o Censo da Piscicicultura, realizado em todo Estado. O evento encerra no sábado, 19, com Dia de Campo na área de piscicultura da Universidade Católica, em Palmas.